AFV Consultoria – Artigos técnicos2022-03-21T15:15:14-03:00

Últimos artigos

Confira os temas que já foram tratados nos artigos técnicos da AFV Consultoria. Aproveite que cada artigo é uma verdadeira aula. A equipe de consultores reuniu para você os principais conhecimentos de base para trabalhar com segurança turística no seu destino.

Se gostar deste conteúdo, aproveite para compartilhar com gestores públicos e profissionais de turismo da sua rede.

Regulamentação
Gestão
Capacitação
Sinalização
Acessibilidade
Planejamento

Capítulo 1 – Regulamentação

Capítulo 1 – Regulamentação

REGULAMENTAÇÃO – Entenda o que o Decreto 7381 significa para o empresário de aventura

As leis de turismo podem parecer de difícil compreensão para aquele profissional novo no setor. Portanto, viemos através deste artigo desmistificar o decreto 7381 capítulo IV, que diz respeito aos deveres dos prestadores de serviços de aventura em termos de segurança turística. Aprenda conceitos básicos e fique por dentro da legislação do setor.

Capítulo 2 – Gestão de Risco

Capítulo 2 – Gestão de Risco

GESTÃO DE RISCO – O valor do Sistema de Gestão de Segurança para um empresário de turismo

Este relato conta uma das experiências profissionais mais marcantes da carreira de Evandro Schütz e como a implementação do Sistema de Gestão de Segurança foi imprescindível para o gerenciamento de crises decorrentes de um acidente de tirolesa em Canela - RS. Se você é empresário de turismo de aventura, esta história vai ser de grande ajuda.

Capítulo 3 – Capacitação

Capítulo 3 – Capacitação

Capítulo 4 – Sinalização

Capítulo 4 – Sinalização

SINALIZAÇÃO PARTE 1 – Sinalização evita acidentes?

Entenda porque a sinalização turística deve ser elemento chave para atividades turísticas e como ela pode influenciar na orientação dos visitantes da sua localidade. Conheça casos reais de acidentes que foram ocasionados por falta de atualização e manutenção das placas e também boas práticas inovadoras de sinalização.

SINALIZAÇÃO PARTE 2 – Recomendações Internacionais de Sinalização

Veja quais são as recomendações de sinalização turística reconhecidas internacionalmente. Inspire-se em dicas e protocolos de referência para que a sinalização do seu destino esteja de acordo com padrões de segurança esperados. Saiba quais são as quatro prioridades essenciais para sinalizações turísticas.

SINALIZAÇÃO – Boas Práticas para o empresário de turismo

Conheça o município de Carolina localizado no Maranhão e seu sucesso ascendente no turismo. As boas práticas de segurança garantem destaque a destinos que desejam ser reconhecidos no setor. Cinthia Noleto e Kiko Alencar nos ajudam a entender como o projeto de sinalização durante a implementação do SGS foi fundamental para os visitantes dos atrativos

Capítulo 5 – Acessibilidade e segurança

Capítulo 5 – Acessibilidade e segurança

ACESSIBILIDADE – Como proporcionar segurança e acessibilidade

O artigo conscientiza o leitor diante do conceito de acessibilidade acerca de padrões dentro do turismo inclusivo destacados pelo Ricardo Shimosakai. O profissional simplifica o entendimento de padrões esperados no turismo para PcD, assim como referências de empresas e consultores que trabalham com o turismo acessível.

Capítulo 6 – Planejamento

Capítulo 6 – Planejamento

PLANEJAMENTO – Capitólio : porque o desabamento do paredão não foi uma fatalidade

Após o acidente ocorrido em 08/01 em Capitólio, é essencial colocar em pauta algumas reflexões sobre o gerenciamento de riscos dentro da atividade turística. Identificar perigos na atividade faz parte do processo de implementação de segurança. Entenda porque o acidente nos canyons de Furnas não foi uma fatalidade.

PLANEJAMENTO – Overtourism : como o excesso de turistas pode afetar seu destino

Entende-se por overtourism não necessariamente o excesso de pessoas, mas sim quando excesso afeta o setor público e a qualidade de vida aos moradores locais. Se você quer conhecer soluções indicadas por profissionais para esse problema que tanto afeta diversos destinos turísticos no mundo, acompanhe essa leitura!

Consultores

Aline Bammann

Associação Férias Vivas

Gestora de projetos e responsável pela comunicação institucional da Associação Férias Vivas, Aline Bammann possui experiência com projetos de alto impacto social. Sua trajetória profissional foi construída com uma forte ênfase em comunicação institucional e advocacy. Ela se dedica à elaboração de estratégias de sensibilização envolvendo a prevenção de riscos no setor de turismo. E possui larga experiência com palestras e campanhas de conscientização. Formada em Administração Pública, está se especializando em comunicação, informação e mídias pela Université Grenoble-Alpes.

Carla Minozzo

Associação Férias Vivas

Consultora especialista, Carla Minozzo liderou diversos projetos na área de gestão pública, como por exemplo o Planejamento Estratégico de Economia Criativa para a SDECTI/SP, enquanto esteve na Fundação Vanzolini. Foi consultora técnica e supervisora de campo do mapeamento das atividades e gastos de turistas para pesquisa de turismo internacional da FIPE/Mtur. Especialista em educação profissional, ações formativas e planejamento estratégico. Carla é graduada em Turismo pela ECA/USP e mestre em educação pela Universidade do Porto e pela Université de Reims.

Sabrina Saltori

Associação Férias Vivas

Integrante do programa de estágio e pesquisa na Associação Férias Vivas, Sabrina Saltori dedica seu tempo à elaboração de artigos técnicos. No dia-a-dia, busca a democratização do conhecimento de temas voltados à gestão de riscos para o site da AFV Consultoria. Desenvolveu sua experiência com gestão de projetos quando foi presidente do Interact Club de Jundiaí, patrocinado pelo Rotary Club. Enquanto estudante de bacharelado em Turismo, recebeu o prêmio Anhembi Honors da Universidade Anhembi Morumbi. Hoje realiza pesquisas acadêmicas sobre o tema da segurança turística com enfoque municipal.

Silvia Basile

Associação Férias Vivas

Diretora-presidente da Associação Férias Vivas, Silvia Basile é reconhecida nacionalmente pela sua participação na criação de padrões internacionais de segurança no turismo. É coordenadora da norma ABNT NBR ISO 21.101 Sistema de Gestão de Segurança para Turismo de Aventura e foi responsável pelo primeiro projeto de implementação dos protocolos de gestão da segurança em Socorro/SP. Há 19 anos contribui com sua expertise para o desenvolvimento de ações de segurança turística. Silvia é arquiteta de formação e possui MBA em Direção de Empresas pela Fundação Armando Álvares Penteado.

Especialistas convidados

Kiko Alencar

Casa do Walker

Consultor e instrutor do SEBRAE de Goiás, Kiko Alencar atua com experiências na natureza e educação organizacional. Especializado em consultorias, trabalha com treinamento e desenvolvimento de empresas no setor de turismo. Como auditor de Sistema de Gestão da Segurança, realizou a implementação das normas técnicas de segurança para atividades de aventura no Tocantins e no Maranhão. Participou de diversos projetos de capacitação de profissionais para desenvolver liderança e já operou como facilitador ao ar livre e coordenador de grupo pela Outward Bound Brasil.

Evandro Shütz

Atitude Ecologia e Turismo

Empresário de turismo de alto renome no mercado, Evandro Schütz atua há mais de 30 anos com turismo de natureza, ecoturismo e turismo de aventura. Ele faz parte dos precursores da gestão de riscos e contribui constantemente para a sensibilização dos empresários. Ele compartilhou em nosso blog como ter implantado os requisitos do Sistema de Gestão da Segurança foi primordial como diretor operacional da Atitude Ecologia. Evandro também possui larga experiência em estruturação de produtos para destinos de natureza e já trabalhou como educador ao ar livre (Outward Bound Brasil).

Luis Marcelo Rodrigues

Nomas Descobrir é preciso

Consultor em Sistemas de Gestão de Segurança, Luis Marcelo Rodrigues é referência quando o assunto é capacitação de condutores de aventura. Embaixador das Férias Vivas na região Sul do país, Luis carrega a bandeira da segurança do turismo e é autoridade quando o assunto é sensibilização e prevenção de acidentes. Suas áreas de conhecimento envolvem planejamento estratégico, gestão de riscos, gestão de crise, gestão de pessoas e guiamento. Possui larga experiência em projetos de implementação do Sistema de Gestão da Segurança para Turismo de Aventura.

Ricardo Shimosakai

Turismo Acessível

Bacharel em turismo pela Universidade Anhembi Morumbi, Ricardo Shimosakai contribuiu com sua expertise sobre os temas de inclusão e turismo acessível. Ele desenvolveu sua carreira profissional avaliando e identificando as condições de acessibilidade no turismo. Altamente requisitado pela gestão pública e privada, seus trabalhos recentes orientaram para a melhor utilização das tecnologias assistivas utilizadas no setor do turismo. Ricardo é referência na avaliação das condições de acessibilidade das estruturas e equipamentos de turismo. 

Alan Guizi

Professor de Turismo, Hotelaria e Eventos

Doutorando em Turismo pela Universidade de Aveiro (Portugal) com sua tese baseada em Overtourism, Alan é mestre em Hospitalidade e Turismólogo pela Universidade Anhembi Morumbi. Atua no mercado de organização e gestão de viagens coorporativas e de lazer. Atualmente é professor dos cursos de Turismo, Hotelaria e Eventos da Universidade Anhembi Morumbi, nas disciplinas de Políticas Públicas no Turismo, Geopolítica, Geoestratégia e Globalização, Teoria Geral do Turismo, Gestão de Produtos Turísticos. 

Pollyana Pugas

Vonát Consultoria e Treinamento 

Turismóloga, palestrante e auditora na Norma ABNT NBR ISO 21101 – Sistema de Gestão da Segurança para atividades de Ecoturismo e Turismo de Aventura e ANBT NBR ISO 9001 – Sistema de Gestão da Qualidade, Pollyana possui experiência na área de planejamento, Normas Técnicas, formatação de produtos e estruturação de destinos turísticos. Embaixadora da ONG Férias Vivas, Polly é especialista quando o assunto é sistema de gestão de segurança e gerenciamento de riscos. Já realizou serviços voltados para a segurança em Minas Gerais, Tocantins e Cusco.

Novos Conteúdos
Direto na Sua Caixa de Entrada

Ir ao Topo