Project Description

Eixos trabalhados

Cultura da Segurança

Experiência turística

Regulamentação e legislação

Gestão de Crises

Gerenciamento de Riscos

DIAGNÓSTICO DOS ACIDENTES PARA O MINISTÉRIO DO TURISMO

Contexto

Em um momento de grande expansão e articulação dos profissionais de turismo de aventura, o Ministério do Turismo foi instigado a criar ações de profissionalização do setor com foco na prevenção de acidentes. De forma a garantir a eficácia dessas ações, o ponto de partida foi direcionar os recursos para as atividades e destinos com indicadores mais críticos em relação à segurança dos serviços turísticos. Porém, a ausência de um sistema nacional de registro de acidentes em turismo significava que a equipe envolvida no planejamento estratégico enfrentaria uma grande falta de informações. O diagnóstico do problema se tornou necessário para entender o cenário vigente.

Desafio

Criar estratégias e instrumentos adequados de forma a permitir a priorização de ações de prevenção de acidentes com base na oferta de informações consistentes e cientificamente coletadas em um cenário em que os registros de acidentes eram:

– não uniformes 

– não unificados

– não categorizados

Solução

Foi criada uma metodologia para obtenção dos primeiros dados estatísticos sobre acidentes ocorridos com usuários de serviços turísticos no Brasil, com foco nas atividades de turismo de aventura. Foi possível identificar as atividades turísticas com o maior número de acidentes e qualificar as diferentes causas dos acidentes. A análise em cima dos dados coletados foi essencial para embasar a tomada de decisão do Ministério do Turismo. O monitoramento da segurança turística se tornou uma expertise da Associação Férias Vivas que continua realizando este importante papel para subsidiar o planejamento de ações de prevenção de acidentes em todo o país.

Fizemos uma coleta de informações em todos os atrativos da cidade e vimos que todos possuem um plano de ação em emergência que tivemos acesso. Depois de conhecer os planos dos atrativos, fizemos um documento que visa orientar nossos guias no destino sobre como agir em casos de acidentes.

LUZIMAR DEL'REI • DIRECTOR OF PRODUCT & OPERATIONS

Sobre a consultoria

Silvia Basile

Constituída em 2002, a Associação Férias Vivas trabalhou na criação e elaboração de 41 Normas Técnicas ABNT NBR de Turismo de Aventura, sendo 17 Normas Técnicas internacionais ABNT NBR ISO, criando-se assim padrões de qualidade e segurança nas atividades de turismo de aventura no Brasil. Juntamente com 19 anos de atuação na área de conscientização e prevenção de acidentes no turismo, esta vivência proporcionou aos consultores da Associação Férias Vivas a capacidade analítica e a experiência prática para a implantação de projetos de gerenciamento de risco em destinos de turismo. A articulação desta entidade social com o setor público se faz eficaz ao comprovar que iniciativas de sensibilização e gestão da segurança são essenciais para o desenvolvimento responsável do turismo.

SAIBA MAIS
  • sbasile@feriasvivas.org.br