Capítulo 4 – Integração de guias e condutores de visitantes na política municipal de segurança turística

Quando nós falamos em acessibilidade, grande parte das pessoas imagina que se trata apenas de adaptações feitas em locais públicos para garantir que pessoas com diversos tipos de deficiências sejam incluídas na sociedade. Como, por exemplo, as rampas de acesso em calçadas para cadeirantes ou a utilização de dispositivos de voz para deficientes visuais.

Profissionais Se Unem na Chapada dos Veadeiros Por Um Turismo Mais Seguro

TEMAS ESTRATÉGICOS Ações de capacitação são essenciais para o desenvolvimento de um polo turístico coeso e profissional. No mercado de turismo é muito mais difícil ser bem sucedido atuando de forma isolada. Parceiros agregam conceitos novos, testam estratégias de divulgação e ajudam a destacar o destino no cenário nacional e internacional. Uma [...]

Ir ao Topo